Topo

"Não pedirei outro adiamento" do Brexit, insiste Boris Johnson

4.set.2019 - O premiê Boris Johnson fala durante debate na Câmara dos Comuns, em Londres - UK Parliament/Jessica Taylor/Reuters
4.set.2019 - O premiê Boris Johnson fala durante debate na Câmara dos Comuns, em Londres Imagem: UK Parliament/Jessica Taylor/Reuters

09/09/2019 19h21

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson garantiu, nesta segunda-feira, que não vai pedir "outro adiamento" do Brexit - apesar de uma lei que pode forçá-lo a fazer isso ter sido aprovada no Parlamento.

"Eu não vou pedir outro adiamento", declarou ao Parlamento, acrescentando que se os deputados se opuserem a aprovar eleições gerais antecipadas, ele vai preparar o Reino Unido para deixar a União Europeia (UE) "de preferência, com um acordo, mas sem, se isso for necessário".

A lei aprovada pelo Parlamento lhe força a pedir um adiamento de três meses, a contar a partir desta segunda, à UE.

Mais Notícias