Topo

Homem é preso em museu na França após ficar quatro horas entrincheirado

Em Saint-Raphael (França)

23/10/2019 07h53

Um homem que permaneceu entrincheirado por quatro horas em um museu no sudeste da França, em cujas paredes foram escritas mensagens ameaçadoras em árabe, foi preso nesta quarta-feira, informou uma fonte policial à AFP.

"O museu vai se tornar um inferno", dizia uma das pichações nas paredes do museu e visível da parte externa, informou uma fonte policial à AFP.

A polícia, porém, não confirmou oficialmente esta tradução, afirmando apenas que as inscrições encontradas nas paredes e mobiliário estão sendo analisadas por tradutores.

O homem, que agiu sozinho e não estava armado, foi detido "sem resistência e sem violência' no jardim do museu pouco depois das 9h (4h de Brasília), por policiais de elite de Marselha e Nice, afirmou o vice-prefeito do departamento, Eric de Wispeleare.

"Suas motivações ainda estão sendo estudadas, bem como a sua identidade. Ele foi colocado em prisão preventiva. A etapa judicial começou", acrescentou.

Após informações policiais que supunham a presença de uma segunda pessoa no edifício, o vice-prefeito ressaltou que o indivíduo agiu sozinho.

As forças de ordem foram alertadas às 6h30 (horário local, 2h30 de Brasília) sobre a presença de dois homens no museu de arqueologia de Saint-Raphael, uma cidade na Riviera Francesa.

Durante cerca de quatro horas, a zona foi totalmente isolada pelas forças de ordem.

"Colocaram barreiras ao redor do [museu], a rua está completamente fechada", relatou à AFP o proprietário de um restaurante em frente ao museu à AFP.

"Estávamos em nosso apartamento, acima do restaurante, quando a polícia nos acordou e nos pediu para sair", continuou Sébastien Belkacem, o restaurador. "Mas preferimos nos refugiar em nosso apartamento e estamos esperando".

Após a inspeção do museu por agentes especializados, nenhum explosivo foi encontrado.

Segundo o prefeito de Saint-Raphael, Frédéric Masquelier, "algumas ânforas datando do período romano foram destruídas".

O museu arqueológico de Saint-Raphael faz parte dos monumentos históricos da França e recebe cerca de 20.000 visitantes por ano. Está localizado próximo a uma igreja medieval no centro desta cidade da Riviera Francesa, com 35 mil habitantes.

Internacional