PUBLICIDADE
Topo

EUA: homem confessa ter matado a família em casa na área criada pela Disney

Casa de Anthony Todt e onde os corpos de seus familiares foram encontrados - Associated Press
Casa de Anthony Todt e onde os corpos de seus familiares foram encontrados Imagem: Associated Press

15/01/2020 22h04

Um homem confessou ter matado a esposa, três filhos e o cachorro da família em Celebration, uma pequena comunidade construída pela Disney World perto de Orlando, na Flórida, ao sul dos parques temáticos da empresa.

Anthony Todt, fisioterapeuta de 44 anos, assumiu que matou sua esposa Megan, 42, e seus filhos Alek, Tyler e Zoe (13, 11 e 4, respectivamente) e o cachorro Breezy.

"Não consigo entender o que pode levar alguém a cometer atos tão maus e horrendos", disse à imprensa Russ Gibson, delegado do condado de Osceola, onde ocorreu o crime.

Todt, que está cooperando com a investigação, enfrenta quatro acusações de homicídio culposo e uma por crueldade animal. Até agora não foi divulgado os motivos do crime e como as vítimas foram assassinadas.

Segundo o jornal local Orlando Sentinel, registros públicos mostram que o fisoterapeuta enfrentava sérios problemas financeiros em três estados do país e estava sob investigação federal por fraude.

Na segunda-feira, a polícia encontrou os corpos na casa de Todt, mas não identificou a família até esta quarta-feira.

A família esta desaparecida desde 6 de janeiro, e amigos e parentes de Anthony e Megan Todt abriram um grupo no Facebook para encontrá-los.

Celebration é uma comunidade ao sul de Orlando desenvolvida nos anos 1990 pela empresa Disney World, cheia de lojas e restaurantes.

Internacional