PUBLICIDADE
Topo

Governo afegão anuncia semana de "redução da violência"

21/02/2020 06h08

Cabul, 21 Fev 2020 (AFP) - O governo do Afeganistão anunciou nesta sexta-feira que talibãs, americanos e forças de segurança do país reduzirão os atos de violência a partir de sábado e por uma semana, um compromisso alcançado após árduas negociações que podem levar a um acordo duradouro.

"A redução da violência começará em 22 de fevereiro e vai durar uma semana", anunciou à AFP Javed Faisal, porta-voz do Conselho Nacional de Segurança do Afeganistão.

A redução dos combates, se for respeitada, deve preparar o caminho para a assinatura de um acordo entre Washington e os talibãs sobre a retirada das tropas americanas do Afeganistão, em troca de garantias de segurança dos insurgentes.

"Esperamos que esta redução da violência leve a um cessar-fogo e a uma paz duradoura no Afeganistão", completou Faisal.

Procurados, os talibãs não responderam à AFP. Os militares americanos não reagiram ao anúncio.

Em Doha, uma fonte do governo afegão declarou na terça-feira que a assinatura de um acordo entre Estados Unidos e talibãs poderia acontecer em 29 de fevereiro na capital do Catar, se uma redução da violência fosse alcançada.

O acordo é iminente, afirmou no mesmo dia uma fonte talibã no Paquistão.

"Todos os detalhes foram finalizados e o conselho dirigente (dos talibãs) deu sua aprovação à equipe de negociadores dos talibãs", declarou à AFP.

mam/jf/phv/es/bl/fp

Notícias