PUBLICIDADE
Topo

México contrata 3 mil médicos para enfrentar coronavírus

Marco Ugarte/AP
Imagem: Marco Ugarte/AP

07/04/2020 11h45

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, anunciou nesta terça-feira (7) que seu governo contratou 3.000 médicos para enfrentar o coronavírus, após reconhecer nos últimos dias um déficit de especialistas para enfrentar a pandemia no país.

"Sete mil médicos em geral se inscreveram para [os institutos de saúde] INSABI e o IMSS e, destes sete mil, três mil já foram contratados", disse o presidente em sua entrevista coletiva matinal.

"Tem muita solidariedade, inclusive residentes que querem ajudar, mas a contratação está sendo feita com formados, médicos em geral", acrescentou.

Até o momento, a pandemia de coronavírus teve 2.439 casos confirmados e 125 mortos no México.

Em 4 de abril, o governo lançou um plano para contratar 6.600 médicos e 12.300 enfermeiras.

Na segunda-feira, López Obrador reconheceu que há discussões com Cuba para um eventual apoio médico com especialistas de terapia intensiva.

Ele também agradeceu ao pessoal de saúde que se encontra na linha de frente do coronavírus.

Coronavírus