PUBLICIDADE
Topo

Irã acusa Israel e Mujahedins do Povo pela morte de cientista

30/11/2020 08h35

Teerã, 30 Nov 2020 (AFP) - O governo do Irã acusou nesta segunda-feira (30) Israel e o grupo Mujahedins do Povo pelo assassinato na sexta-feira nas imediações de Teerã do cientista Mohsen Fakhrizadeh, executado com uma "operação complexa".

"Foi uma operação complexa com uso de equipamento eletrônico", declarou o almirante Ali Shamkhani, secretário do Conselho Supremo de Segurança Nacional.

O grupo Mujahedins do Povo Iraniano (MEK), considerado terrorista pelo Irã, "com certeza" estava envolvido, mas o "elemento criminal em tudo isto é o regime sionista e o Mossad", o serviço secreto israelense, completou.

ap/mj/tp/me/es/fp