PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
15 dias

EUA ressalta ao Equador importância de superar polarização para enfrentar a covid

13/04/2021 20h23

Washington, 13 Abr 2021 (AFP) - Os Estados Unidos ressaltaram ao Equador nesta terça-feira (13) a importância de superar a polarização política para enfrentar os desafios da crise da covid-19, parabenizando Guillermo Lasso por sua vitória nas eleições presidenciais.

O chefe da diplomacia americana, Antony Blinken, ressaltou que só a unidade permitirá um avanço dos países, em referência ao amargo confronto entre democratas e republicanos nos Estados Unidos que o presidente Joe Biden pediu para ser deixado para trás.

"Muitas sociedades, incluindo a nossa, experimentaram polarização nos últimos anos, mas somente trabalhando juntos podemos alcançar nosso potencial máximo e superar nossos maiores obstáculos, como a saúde pública e as consequências econômicas da pandemia da covid-19", observou Blinken em um comunicado.

No Equador, país dividido nos últimos anos em torno da figura do ex-presidente socialista Rafael Correa (2007-2017), o ex-banqueiro Lasso venceu o economista Andrés Arauz, afilhado político do ex-presidente, no último domingo.

Blinken destacou seu interesse em trabalhar com Lasso, que assumirá em 24 de maio, para fortalecer o relacionamento bilateral.

"O povo dos Estados Unidos e do Equador está testemunhando diariamente os benefícios de nossos laços estreitos e esperamos expandir e fortalecer ainda mais esse relacionamento já vibrante", disse.

Os Estados Unidos e o Equador mantiveram relações tensas durante a década de governo de Correa. Mas o atual presidente Lenín Moreno, ex-aliado de Correa, deu uma guinada na política externa de seu antecessor, aproximando-se de Washington.

ad/yow/bn/mvv