PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
15 dias

Principais partidos de oposição do Chade denunciam "golpe de Estado institucional"

21/04/2021 09h25

N'Djamena, 21 Abr 2021 (AFP) - Os principais partidos de oposição do Chade denunciaram nesta quarta-feira um "golpe de Estado institucional", um dia depois da morte do presidente Idriss Déby Itno, com o seu filho Mahamat Idriss Déby assumindo o poder.

Quase 30 "partidos políticos da oposição democrática pedem a instauração de uma transição liderada por civis (...) por meio de um diálogo inclusivo" em um comunicado publicado nesta quarta-feira.

Mahamat Idriss Déby, que comanda o Conselho Militar de Transição (CMT), também exerce a função de "presidente da República" de maneira provisória e concentra quase todos os poderes.

Seu pai, que governou o país por mais de 30 anos, faleceu na terça-feira em consequência dos ferimentos sofridos durante uma operação militar contra rebeldes no norte do país.

dwi-amt/dyg/bl/zm/fp