PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Polícia da Colômbia anuncia sanções contra agentes por abusos durante protestos

10/05/2021 22h39

Bogotá, 11 Mai 2021 (AFP) - A polícia da Colômbia anunciou nesta segunda-feira sanções contra cinco policiais e investigações por supostos abusos cometidos por agentes públicos durante a repressão aos protestos contra o governo, que deixaram 27 mortos, a maioria manifestantes.

"Cinco policiais foram suspensos", informou o inspetor geral da instituição, general Jorge Ramírez, em vídeo enviado à imprensa. Dois deles foram detidos e afastados do serviço devido à morte do estudante Santiago Murillo, 19, "após distúrbios ocorridos em 1º de maio na cidade de Ibagué (centro)".

O oficial não divulgou detalhes sobre o caso, mas a imprensa local denunciou que o jovem levou um tiro no peito disparado por policiais motorizados. Segundo Ramírez, "62 investigações disciplinares estão em andamento por diferentes comportamentos supostamente irregulares" de policiais.

Segundo a Defensoria do Povo, 27 pessoas morreram nos protestos que tiveram início em 28 de abril contra o aumento de impostos planejado pelo governo para reduzir o impacto da pandemia. Pressionado pelos manifestantes, o presidente colombiano desistiu da iniciativa, mas a repressão policial aumentou o descontentamento popular com o governo. O país enfrenta hoje vários focos de protesto, que pedem uma mudança de política.

dl/vel/yow/lb