PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Operação turca mata líder militar curdo sírio

17/05/2021 19h09

Ancara, 17 Mai 2021 (AFP) - O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, anunciou nesta segunda-feira (17) que uma autoridade militar curda síria de alto nível foi morto durante uma operação dos serviços de Inteligência turcos no Iraque.

Em abril, o exército turco lançou uma ofensiva terrestre e aérea no norte do Iraque contra bases de separatistas curdos do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), uma organização considerada "terrorista" pela Turquia e seus aliados ocidentais.

Segundo Erdogan, a autoridade curda assassinada, conhecido por seu nome de guerra, Sofi Nurettin, era o comandante militar do PKK na Síria.

"Esse terrorista, que cometeu muitos atos sangrentos, também é responsável por muitos ataques contra nossos militares", declarou o presidente turco.

Em fevereiro, a Turquia acusou o PKK de ter executado 13 de seus cidadãos, membros das forças de segurança em sua maioria, a quem mantinha cativos no norte do Iraque fazia vários anos.

Segundo o chefe de Estado turco, Sofi Nurettin era um dos comandos que ordenaram a execução destas 13 pessoas.

A Turquia costuma realizar ataques nas zonas montanhosas do norte do Iraque contra as bases de retaguarda do PKK, que desde 1984 trava uma guerrilha em território turco, que deixou mais de 40.000 mortos.

bg/ezz/lpt/jvb/yow/mvv