PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Ao menos 16 mortos na RDC em ataque atribuído a insurgentes

03/08/2021 10h50

Komanda, RD Congo, 3 Ago 2021 (AFP) - Ao menos 16 civis foram assassinados na segunda-feira (2) em Ituri, província em conflito do leste da República Democrática do Congo (RDC), em um novo ataque atribuído ao grupo armado de origem ugandesa ADF, explicaram fontes militares e locais nesta terça-feira (3).

Segundo a sociedade civil local, as vítimas, entre as quais havia ao menos duas mulheres, foram tomadas como reféns há algumas semanas pelos rebeldes das Forças Democráticas Aliadas (ADF).

Foram executadas com arma branca na estrada nacional 4 na altura da cidade de Idohu, informou Dieudonné Malangai, vice-presidente da sociedade civil da liderança de Walese Vonkotu, da qual esta comuna faz parte.

Durante um comício em Komanda, a cerca de 40 km do local, o governador militar de Ituri, o tenente general Johnny Luboya Nkashama, lamentou este massacre, segundo um correspondente da AFP.

"Reforçaremos nossa presença na região", prometeu, quando Ituri e a província vizinha de Kivu do Norte se encontram desde 6 de maio em estado de sítio, uma medida tomada para acabar com as atividades dos grupos armados que semeiam o terror entre os civis da região.

O ADF, apresentado pelo Estado Islâmico (EI) como sua ramificação na África central, é o mais mortal das centenas de grupos armados ativos no leste da RDC e é acusado de massacres de civis que deixaram ao menos 6.000 mortos desde 2013, segundo um balanço do episcopado congolenho.

str/at/grp/mb/aa