PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Australiano é acusado de 'roubar' localizador de tubarão

O "roubo" teria ocasionado uma série de alarmes falsos sobre a presença do animal na costa da Austrália - Cat Gennaro/Getty Images
O 'roubo' teria ocasionado uma série de alarmes falsos sobre a presença do animal na costa da Austrália Imagem: Cat Gennaro/Getty Images

Sydney, na Austrália

13/10/2021 06h01Atualizada em 13/10/2021 08h48

Um australiano foi acusado de roubar um chip localizador de um grande tubarão branco, o que teria ativado uma série de alarmes falsos na costa oeste do país.

A polícia da cidade de Albany acusou um homem de 48 anos pelo roubo de um dispositivo de localização para notificar a presença de tubarões brancos no litoral.

Os tubarões com estes dispositivos ativam um alarme quando se aproximam de uma rede de 34 receptores espalhada pela costa oeste da Austrália e os banhistas recebem um aviso.

A polícia não divulgou detalhes, mas o jornal West Australian informou que o homem obteve o localizador ao capturar por engano um tubarão branco, que devolveu ao mar.

De acordo com o jornal, o dispositivo ativou sete vezes o alarme para tubarões entre 13 de agosto e 4 de setembro.

Internacional