PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
4 meses

Irã dispara vários mísseis balísticos durante manobras militares

Bandeira do Irã em frente a um prédio da ONU em Viena, na Áustria - Lisi Niesner/Reuters
Bandeira do Irã em frente a um prédio da ONU em Viena, na Áustria Imagem: Lisi Niesner/Reuters

Da AFP

24/12/2021 10h25Atualizada em 24/12/2021 10h48

O Irã lançou, nesta sexta-feira (24), vários mísseis balísticos de diferentes pontos do sul do país, todos apontando para o mesmo alvo, durante o último dia de manobras organizadas pelos Guardiães da Revolução.

"Essas manobras foram projetadas para responder às ameaças lançadas nos últimos dias pelo regime sionista", declarou o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas iranianas, general Mohamad Bagheri, à televisão estatal, em uma clara referência a Israel.

"Dezesseis mísseis apontaram e destruíram o alvo instalado. Durante esses exercícios, foi mobilizada parte das centenas de mísseis iranianos capazes de destruir qualquer país que se atreva a atacar o Irã", acrescentou.

O general Hossein Salami, chefe dos Guardiães da Revolução, o exército de elite da República Islâmica do Irã, disse, por sua vez, que "o exercício militar denominado 'Grande Profeta' constitui uma séria advertência aos dirigentes do regime sionista: dizer a eles que, se cometerem o menor erro que seja, nós cortaremos uma mão deles".

Ao longo de cinco dias, diferentes unidades dos Guardiões da Revolução participaram de manobras em três províncias localizadas no sul do país, assim como em três ilhas disputadas por Irã e Emirados Árabes Unidos.

Internacional