PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
4 meses

Equador apreende 8,2 toneladas de cocaína que tinham a Europa como destino

18/01/2022 16h25

Quito, 18 Jan 2022 (AFP) - O Equador, que apreendeu um recorde anual de 210 toneladas de drogas em 2021, confiscou nesta terça-feira (18) cerca de 8,2 toneladas de cocaína que deviam ser enviadas a mercados da Europa, informaram as autoridades.

A carga "tinha como destino (...) a Europa", disse durante coletiva de imprensa o governador da província costeira de Guayas (sudoeste), Pablo Arosemena.

Arosemena acrescentou que a droga era camuflada em contêineres de carga legal.

Em Guayaquil, capital de Guayas, opera o principal porto marítimo para o comércio equatoriano.

O general Fausto Buenaño, chefe de polícia em Guayas, disse, por sua vez, que a apreensão foi feita em duas localidades nos arredores de Guayaquil, após vários meses de trabalho da Unidade de Investigação Antidrogas com Coordenação Europeia (UIACE) da Polícia do Equador.

O governo do presidente conservador Guillermo Lasso, empossado em maio passado, declarou guerra ao narcotráfico, responsável por altos índices de violência dentro e fora das prisões.

Presos que são membros de grupos vinculados a organizações mexicanas protagonizaram violentos confrontos em 2021, que deixaram 320 detentos mortos e se tornaram os principais massacres em presídios da América Latina.

No Equador atuam cartéis internacionais, como os de Sinaloa e Jalisco Nova Geração, ambos do México.

sp/llu/mvv