PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
3 meses

Taiwan enviará vice-presidente à posse de Xiomara Castro em Honduras

19/01/2022 11h59

Taipé, 19 Jan 2022 (AFP) - Taiwan anunciou nesta quarta-feira(19) que enviará seu vice-presidente, William Lai, à posse da presidente eleita de Honduras, Xiomara Castro, em 27 de janeiro, em um momento em que a ilha teme perder um de seus últimos aliados na América Latina.

A futura presidente hondurenha defendeu em sua campanha que, em caso de vitória, romperia com Taiwan e "abriria imediatamente relações diplomáticas e comerciais com a China continental".

Em dezembro, a Nicarágua rompeu com Taipei e aliou-se a Pequim, deixando Honduras como um dos 14 países que ainda reconhecem diplomaticamente Taiwan em vez da China.

A presidente TsaiIng-wen expressou sua esperança de que as relações com Honduras "continuem a se aprofundar", parabenizando Castro por sua vitória eleitoral em novembro.

A China, que considera Taiwan parte de seu território e pretende retomar a ilha, intensificou os esforços para isolar diplomaticamente Taipei.

A América Latina tem sido um território chave de disputas diplomáticas entre China e Taiwan desde que se separaram em 1949 após uma guerra civil.

Pequim passou décadas tentando conquistar os aliados diplomáticos de Taiwan, uma campanha que se intensificou após a eleição de Tsai em 2016.

Desde então, a China conquistou oito aliados da ilha, incluindo Panamá, El Salvador, República Dominicana e Nicarágua.

Para o subsecretário de Relações Exteriores da China, Le Yucheng, é uma "questão de tempo" para Taiwan ficar sem apoio diplomático e a decisão da Nicarágua reflete uma "tendência geral".

aw/cwl/lb/dbh-mas/gm/an/jc