PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Parlamento polonês suprime corte contestada pela União Europeia

26/05/2022 17h07

Varsóvia, 26 Mai 2022 (AFP) - O Parlamento polonês suprimiu nesta quinta-feira (26) a polêmica sala disciplinar do Tribunal Supremo, uma instituição-chave na reforma do sistema judicial polonês, acusada pela União Europeia (UE) de socavar a independência dos magistrados.

A Comissão Europeia (braço executivo da UE) subordinou ao desmantelamento desta instância judicial a entrega à Polônia de um fundo de recuperação pós-pandemia de cerca de 35 bilhões de euros (37 bilhões de dólares).

amj/ah/js/mis/mvv