PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Gana repatria 1.320 migrantes, entre eles crianças, para o Níger

25/06/2022 11h56

Acra, 25 Jun 2022 (AFP) - Gana repatriou mais de 1.300 imigrantes nas ruas de Acra, incluindo muitas crianças, em junho, disse o governo em comunicado neste sábado (25).

"Um total de 300 homens adultos, 400 mulheres adultas e 620 crianças" foram repatriados para o Níger nos dias 7 e 8 de junho, disse o ministério responsável pelos assuntos sociais e proteção infantil em Gana.

"A grande presença de crianças de rua no país é extremamente preocupante. Nas ruas, suas vidas estão em perigo", disse o ministério, que realizou a operação de repatriação em colaboração com as autoridades nigerinas.

De acordo com o comunicado, os retornados foram encontrados nas ruas de Accra debaixo de pontes, cruzamentos de semáforos, calçadas e outros lugares mendigando ou vagando pelas ruas.

A operação, denominada "Saia das Ruas", faz parte das medidas adotadas pelos países da África Ocidental para combater a mendicidade.

Uma ONG de proteção à criança, Child Rights International, saudou a medida, dizendo que era do interesse das crianças.

"Estamos enfrentando um problema de segurança nacional alarmante que deveria ter sido resolvido anos atrás", disse à AFP.

A embaixada do Níger em Acra diz que os repatriados "receberão apoio no Níger para que possam ganhar a vida", mas não forneceu mais detalhes.

O Níger, um dos países mais pobres do mundo, enfrenta uma grave crise alimentar porque a seca e a violência jihadista impedem os agricultores de cultivar seus campos, segundo a ONU e autoridades.

str-cma/sba/sag/mb/aa