Americana Regan Smith bate recorde mundial dos 100m costas

A nadadora Regan Smith bateu o recorde mundial dos 100m costas nesta terça-feira (18), durante a seletiva americana para os Jogos Olímpicos de Paris (26 de julho a 11 de agosto). 

Ao vencer em 57,13 segundos, Smith superou o recorde estabelecido pela australiana Kaylee McKeown (57,33s) em outubro de 2023, que na semana passada nadou a mesma distância em 57,41s durante as seletivas australianas. 

"Faz parte do plano", disse Regan Smith sobre recuperar o recorde que lhe pertencia em 2019. 

Ela havia mostrado suas ambições ao diminuir seu recorde americano para 57,47s na semifinal. Enfrentando Katharine Berkoff, que a levou ao limite na piscina do Lucas Oil Stadium, Smith conseguiu bater o recorde de McKeown em 0,20s no final da prova. 

"Estou muito orgulhosa de mim mesma", respondeu Smith, que conquistou duas medalhas de prata e uma de bronze nas Olimpíadas de Tóquio em 2021. "O nado costas às vezes é difícil para mim, mas lutar assim e recuperar (esse recorde) significa muito".

Berkoff terminou em segundo lugar com 57,91s, anunciando assim uma poderosa dupla americana no evento de Paris.

Além do recorde mundial de Smith, esta terça-feira teve a primeira participação nas provas norte-americanas desta semana de Caeleb Dressel, uma estrela das Olimpíadas de Tóquio. O nadador chegou à final dos 100 metros livre masculino com o terceiro melhor tempo das semifinais. 

As cinco medalhas de Dressel em Tóquio incluíram os 50 e 100 metros livres e os 100 metros borboleta. 

Mas nessas provas seu nível é um ponto de interrogação, depois de ele ter feito uma pausa em 2022. Após a interrupção de nove meses, ele não atingiu a marca necessária para se classificar para o mundial de 2023. 

Continua após a publicidade

Chris Guiliano, que se classificou para Paris ao terminar atrás do vencedor dos 200 metros livre Luke Hobson, liderou as semifinais com 47,25 segundos. 

Na segunda semifinal, Jack Alexy, de 21 anos, venceu Dressel (que marcou 47,53s) com o tempo de 47,33s.

bb/lpa/jnd/aam

© Agence France-Presse

Deixe seu comentário

Só para assinantes