Conteúdo publicado há 1 mês

Incêndio em depósito de munições deixa mortos e feridos no Chade

Um incêndio que destruiu um paiol militar de munições na capital do Chade na noite de terça (18) para quarta-feira deixou mortos e feridos, informou o presidente do país africano, Mahamat Idriss Déby Itno, em sua página do Facebook.

"Um incêndio em um depósito de munições [...] provocou danos humanos e materiais. Paz para as almas das vítimas, sinceras condolências às famílias enlutadas e uma rápida recuperação aos feridos", escreveu Déby Itno.

"Uma investigação será aberta para determinar as causas e os responsáveis", acrescentou.

O incêndio começou na noite de terça-feira em um enorme depósito de munições em N'Djamena, que provocou explosões e lançou projéteis para o ar, que depois detonaram.

As explosões podiam ser ouvidas uma hora e meia após os estrondos iniciais, segundo testemunhas.

Um integrante do alto escalão do Exército, que pediu anonimato, contou à AFP que se trata do "maior depósito de munições em N'Djamena".

Há várias residências nas imediações do paiol incendiado, que fica próximo do aeroporto e de uma base das forças francesas.

"O teto de nossa casa foi arrancado por uma das explosões", comentou uma moradora vizinha do local, Kadidja Dakou.

A mulher de 36 anos refugiou-se na rua com sus três filhos e alguns vizinhos, temerosos de que suas casas pudessem colapsar.

Continua após a publicidade
Danos e cartuchos de munição são vistos após o incêndio que causou explosões em um depósito de munição militar em N'Djamena, Chade
Danos e cartuchos de munição são vistos após o incêndio que causou explosões em um depósito de munição militar em N'Djamena, Chade Imagem: Israel Matene/REUTERS

Deixe seu comentário

Só para assinantes