Hungria marca nos acréscimos e vence Escócia (1-0), que é eliminada da Euro

Com gol nos acréscimos, a Hungria venceu a Escócia por 1 a 0 neste domingo (23), em Stuttgart, e manteve vivas suas chances de chegar às oitavas de final da Eurocopa, enquanto os britânicos foram eliminados.

O gol de Kevin Csoboth (90'+10) deixa os húngaros atrás das já classificadas Alemanha e Suíça, com a Escócia na lanterna da chave. 

A Hungria terá que esperar para saber se vai às oitavas como uma das quatro melhores terceiras colocadas após o término da fase de grupos.

Apesar da alegria após a vitória, comemorada com os torcedores por vários minutos depois do apito final, os jogadores húngaros viveram momentos de muita tensão, quando o atacante Barnabás Varga sofreu uma grave queda com a cabeça no chão.

Em uma bola levantada na área escocesa (68'), o jogador de 29 anos caiu e foi colocado imediatamente em posição lateral de segurança por seus companheiros, sem conseguir se mexer.

Depois de vários segundos tensos, os serviços de emergência entraram em campo e Varga foi ovacionado pelos torcedores húngaros enquanto deixava o gramado de maca.

Durante o tempo em que permaneceu no chão, o jogador foi protegido com mantas ao seu redor, para evitar a captura de imagens da situação.

"Foi horrível. Foi um momento horrível ver Barnabás assim", declarou o volante húngaro Roland Sallai em entrevista coletiva. "Felizmente ele está melhor. Provavelmente terá que passar por uma pequena operação. Vamos torcer para que possa voltar rapidamente", acrescentou.

"Lutamos por ele nos 15 ou 20 minutos restantes. Queríamos vencer por ele e dedicar a vitória", afirmou Sallai, eleito o melhor jogador da partida.

Continua após a publicidade

- "Estável" e "fora de perigo" -

Segundo o canal de televisão alemão Magenta, Varga estava consciente e conversando enquanto era levado ao hospital de Stuttgart.

O técnico Marco Rossi declarou que Varga parece ter sofrido uma fratura no rosto.

"A situação era confusa. Pelo que os jogadores me disseram, naquele momento 'Barny' parecia inconsciente. Todo mundo se preocupou com seu estado, além do mais os médicos demoraram para chegar", acrescentou o treinador.

"Felizmente podemos dizer que 'Barny' está fora de perigo. Provavelmente terá que ser operado nas próximas horas. Se avançarmos na competição, com certeza não continuará na equipe", explicou Rossi.

"O quadro de Barnabáz Varga é estável. O jogador da seleção húngara está atualmente em um dos hospitais de Stuttgart. Informaremos se houver novidades", escreveu na rede social X a Federação Húngara de Futebol.

Continua após a publicidade

No aspecto esportivo, o gol premiou a maior dedicação da Hungria em busca da vitória. Apesar de contar com mais posse de bola (60%), a Escócia só teve quatro finalizações na partida, nenhuma delas no primeiro tempo.

"Sempre ficou claro que o jogo seria decidido por um único gol", lamentou o técnico da seleção escocesa, Steve Clark. "Não conseguimos marcar, saímos no final para tentar".

Eliminados, os escoceses terão que continuar esperando para passar pela primeira vez na história da fase de grupos da Eurocopa ou de uma Copa do Mundo.

dam/iga/cb

© Agence France-Presse

Deixe seu comentário

Só para assinantes