Quatorze anos de prisão para a irmã do chefe da máfia siciliana, Messina Denaro

A irmã do ex-chefe da máfia siciliana Matteo Messina Denaro, que morreu em setembro de 2023 depois de ser preso após três décadas de fuga, foi condenada nesta quinta-feira (11) a 14 anos de prisão por associação mafiosa, segundo a mídia italiana. 

Rosalia Messina Denaro, de 69 anos, casada com o chefe preso Filippo Guttadauro, inadvertidamente colocou a polícia no encalço de seu irmão graças a uma mensagem escrita sobre seu estado de saúde escondida em uma barra oca de uma cadeira em seu domicílio. 

Presa há um ano após a detenção do irmão, um dos chefes mais sanguinários da Cosa Nostra, ela era o único membro da família Messina Denaro a quem o irmão revelou estar gravemente doente com câncer. 

Segundo os investigadores, Rosalia não era apenas sua confidente, mas também seu "alter ego". Seu papel operacional dentro do clã foi muito importante, principalmente nos últimos anos da fuga de seu irmão, que levou seus segredos para o túmulo quando morreu aos 61 anos no hospital penitenciário de L'Aquila.

glr/gab/bow/mab/eg/aa/dd

© Agence France-Presse

Deixe seu comentário

Só para assinantes