UE, Japão e Coreia do Sul se unem para responder à bomba norte-coreana

A União Europeia, o Japão e a Coreia do Sul concordaram em coordenar uma resposta conjunta à Coreia do Norte, no âmbito das Nações Unidas (ONU), depois que Pyongyang disse ter realizado um teste bem sucedido da bomba de hidrogênio.

A informação é do serviço de Ação Externa da União Europeia, em comunicado divulgado nesta quarta-feira (6).

No início do dia, a Coreia do Norte declarou que havia realizado com sucesso seu primeiro teste com uma bomba termonuclear. Após o incidente, a chefe da política externa da União Europeia, Federica Mogherini, conversou por telefone com os ministros das Relações Exteriores da Coreia do Sul e do Japão, Yun Byung-se e Fumio Kishida, respectivamente.

De acordo com o comunicado, eles "discutiram o caminho a seguir, começando com uma sessão urgente do Conselho de Segurança da ONU. Eles concordaram sobre a necessidade de uma reação forte, coordenada e unida da comunidade internacional, incluindo as Nações Unidas e o G7, que o Japão atualmente preside".

Bruxelas, Tóquio e Seul também manifestaram a necessidade de verificar as reivindicações de Pyongyang.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos