Naufrágios no Mar Egeu deixam pelo menos 15 mortos

Pelo menos 15 pessoas, incluindo seis crianças, morreram na manhã de hoje (22) em dois naufrágios sucessivos ao largo das ilhas gregas Farmakonissi e Kalolimnos no Mar Egeu, enquanto dezenas de migrantes foram dados como desaparecidos, informou a guarda costeira.

No primeiro naufrágio, 48 pessoas conseguiram se salvar na costa de Farmakoniss, depois de o barco em que seguiam ter batido nas rochas, segundo a polícia portuária. Os corpos de seis crianças e o de uma mulher foram recuperados pela guarda costeira após o naufrágio.

Em seguida, outro barco virou ao largo de Kalolimnos e a polícia portuária resgatou oito corpos.

No total, 26 pessoas sobreviveram a este segundo naufrágio, mas de acordo com declarações dos sobreviventes, havia dezenas de pessoas a bordo do barco proveniente das costas turcas.

Na quinta-feira, pelo menos 12 migrantes, incluindo crianças, morreram ao largo das costas ocidentais da Turquia. A guarda costeira turca conseguiu salvar 28 pessoas.

Segundo estimativas da Organização Internacional para as Migrações (OIM), 77 pessoas morreram nas travessias entre 1º e 18 de janeiro.

Também desde o início do ano, a OIM contou 31 mil chegadas às ilhas gregas - número 21 vezes superior ao registado em janeiro de 2015.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos