Começa em São Paulo sexto protesto contra aumento nos transportes

O sexto grande ato contra o aumento da tarifa do transporte público coletivo está sendo realizado nesta terça-feira (26), na capital paulista. Desde as 17h, os manifestantes se reúnem em frente ao Parque da Luz, próximo à estação de trem da Luz, região central da cidade.

O Movimento Passe Livre (MPL) informou, mais cedo, em sua página no Facebook, que, durante a concentração para o ato, discutiria o trajeto a ser percorrido. Em assembleia, os manifestantes decidiram seguir pela Rua Mauá, Terminal Princesa Isabel, avenidas Ipiranga e São Luís e Viaduto Nove de Julho, até chegar à Câmara Municipal.

Segundo o MPL, não cabe ao Estado decidir a forma de organização dos movimentos sociais. Em entrevista coletiva na manhã de hoje, o MPL convidou o prefeito Fernando Haddad e o governador Geraldo Alckmin para uma reunião aberta na próxima quinta-feira (28), quando também deve ocorrer o sétimo grande ato contra a tarifa.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) havia divulgado nesta tarde o trajeto que tinha elaborado para os manifestantes: saída da Estação da Luz, Rua Cásper Líbero, avenidas Ipiranga e São Luís, Viaduto Maria Paula e Avenida Brigadeiro Luís Antônio, até a Assembleia Legislativa.

A militante do MPL Andreza Delgado considera inconstitucional a definição do trajeto pela SSP e diz os manifestantes é que devem traçar o percurso. Andreza reafirmou que o MPL é contra o aumento da tarifa dos transportes e que o foco está sendo distorcido, já que a SSP põe a questão dos trajetos em primeiro plano.

O policiamento da região da Luz interdita, desde as 17h30, o acesso à Avenida Tiradentes. O tenente-coronel Cangerana, responsável pelo comando, disse que os manifestantes podem seguir pelo percurso definido em assembleia. Mais cedo, Cangerana havia dito que seria possível fazer alguns ajustes no trajeto divulgado pela SSP, mas que o corredor norte-sul, que inclui as avenidas Tiradentes e 23 de Maio, estava descartado pela polícia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos