Reforço de médicos em hospitais federais do Rio começa na semana que vem

Os primeiros profissionais de saúde contratados em caráter de urgência para amenizar a crise na saúde do estado do Rio de Janeiro, e reforçar o atendimento para os Jogos Olímpicos, devem começar a trabalhar na próxima segunda-feira nos hospitais federais. Ao todo, são 1,5 mil dos 2,4 mil que o Ministério da Saúde pretende contratar.

Nesta semana, gestores de oito hospitais estão avaliam os mais de 52 mil inscritos para selecionar os que mais se adéquam às necessidades de cada unidade.

A maior parte das vagas oferecidas é para médico, com 693 postos. Mais 605 vagas são para enfermeiros, 580 para técnicos de enfermagem, 341 para analistas de gestão e 274 para técnicos de suporte.

As vagas de médico receberam 3.860 candidatos. Mais de 10 mil pessoas se candidataram às vagas de enfermeiro e outros 11 mil a de técnico de enfermagem.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos