Crise de refugiados: Comissão Europeia quer 'resultados tangíveis' em 10 dias

O comissário europeu para as migrações, Dimitris Avramopoulos, disse hoje (25) em Bruxelas que espera "resultados tangíveis" nos próximos 10 dias para evitar que as soluções para a crise dos refugiados colapsem.

"Nos próximos 10 dias precisamos de resultados tangíveis e claros no terreno. Caso contrário, há o risco de que todo o sistema colapse totalmente", afirmou em coletiva de imprensa, após reunião dos 28 ministros europeus da Justiça e do Interior.

Avramopoulos disse ainda que é da responsabilidade de todos os Estados-membros intensificar os esforços para implementar as soluções acordadas.

"Não há tempo para ações descoordenadas", argumentou o comissário, sobre a possibilidade de uma crise humanitária muito perto da Rota dos Balcãs, onde a "situação é crítica".

"Não podemos continuar a agir através de ações unilaterais, bilaterais e trilaterais. Os primeiros efeitos negativos e impactos já são visíveis", disse.

Na reunião de hoje foi discutido o reforço no controle de todos os cidadãos nas fronteiras externas da União Europeia e reafirmada a necessidade de ampliar a guarda costeira europeia até ao final do semestre.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos