Filipinas tem primeiro caso de Zika detectado desde 2012

Uma mulher norte-americana foi infectada com o vírus Zika quando visitou as Filipinas, informaram hoje (6) os serviços de saúde locais. É o primeiro caso detectado no país desde 2012.

A secretária para a Saúde, Janette Garin, adiantou que foram os centros norte-americanos de controle e prevenção da doença que informaram o caso de infecção de uma pessoa residente nos Estados Unidos que, em janeiro, esteve nas Filipinas durante quatro semanas e que, aparentemente, desenvolveu sintomas na semana anterior à volta para a América.

"Fomos informados de que, pouco depois de voltar para casa, nos Estados Unidos, uma evidência de infecção pelo vírus Zika foi observada na paciente", disse Janette Garin em comunicado divulgado pela agência France Presse.

A secretária acrescentou que, neste momento, está sendo traçado o perfil da paciente, incluindo informações sobre os lugares que visitou nas Filipinas.

O único caso conhecido de Zika no país foi registrado em 2012, em uma criança de 15 anos que demorou três semanas para se recuperar.

Segundo a Organização Pan-Americana de Saúde (OPS), o Continente Americano já tem mais de 134 mil casos suspeitos do vírus Zika e 2.765 confirmados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos