Brasilianas.org entrevista o historiador Luiz Felipe Alencastro

O programa Brasilianas.org de hoje (7) entrevista o historiador e cientista político Luiz Felipe Alencastro. No bate-papo serão tratados temas como a crise política brasileira, a ascensão e declínio do país no cenário mundial, o papel do Poder Judiciário e da mídia no jogo dos poderes que comandam o Brasil.

O historiado também analisa a agressividade na disputa política atual e seus responsáveis. "O debate tem que se dar no voto, não na agressão. Há uma agressividade muito grande hoje. E a responsabilidade da elite é muito grande nisso, porque foi aquele primeiro insulto coletivo a Dilma na Copa do Mundo que escancarou a grosseria da elite, porque veio da parte VIP do estádio", disse na entrevista.

Aos 20 anos, na década de 1970, Alencastro ganhou uma bolsa de estudos e se mudou para a França. Sua decisão de sair do Brasil também foi pautada pela perseguição do regime militar, que o fez responder a diversos inquéritos quando ainda estudava na Universidade de Brasília.

Uma das obras mais destacadas do professor é O Trato dos Viventes: Formação do Brasil nos Séculos XVI e XVII, publicado em 2000 pela Companhia das Letras. No livro, Felipe de Alencastro discute a formação econômica brasileira a partir do triângulo luso-brasileiro-africano, incluindo a influência de Angola e dos africanos na cultura brasileira.

Segundo Alencastro, a escravidão ainda influencia o hábito dos brasileiros, resquício de um período em que quase metade da população era escrava. "O Rio de Janeiro, que era capital do império em 1850, e 42% da população era escrava, maior concentração urbana de escravos desde o fim do Império Romano. As pessoas se acostumavam a essa situação", disse.

O programa Brasilianas.org vai ao ar na TV Brasil, às 23 h, e é apresentado por Luis Nassif.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos