Deslizamentos causados pela chuva deixam ao menos 10 mortos em São Paulo

Ao menos dez pessoas morreram em deslizamentos causados pela forte chuva que atingiu a região metropolitana de São Paulo a partir da noite de ontem (10) e através da madrugada.

Um deslizamento que ocorreu por volta das 22h, na altura do número 500 da Rua da Primavera, no município de Mairiporã, deixou cinco mortos, entre eles uma menina de 4 anos, de acordo com informações do Corpo de Bombeiros, que realizaram buscas durante toda a madrugada. Outras sete pessoas foram levadas com vida ao pronto socorro local.

No município de Francisco Morato, três pessoas morreram em um deslizamento que atingiu uma casa na Rua Irã, no bairro de Jardim Santa Rosa, durante a madrugada. Dois feridos foram resgatados. Ainda em Francisco Morato, uma ocorrência na Rua Raul Pompeia matou outras duas pessoas. 

O centro do município de Franco da Rocha encontra-se alagado devido à chuva que começou ainda na noite de quinta-feira. O temporal chegou a interditar por cerca de seis horas o Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos.

Várias estações da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos ficaram alagadas, prejudicando a circulação dos trens. Os rios Tietê e Pinheiros chegaram a transbordar. O trânsito na capital paulista apresenta vários pontos de engarrafamento.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos