Movimento em frente ao prédio de Lula é normal

O movimento em frente ao prédio onde reside o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é tranquilo desde o início da manhã. No momento, oito sindicalistas fazem uma vigília no local. Sem faixas ou nada que os identifique como sindicalistas, eles apenas respondem a provocações esporádicas de pessoas que passam de carro e xingam Lula. Não há presença de policiais e nem barreiras na rua. O trânsito segue normalmente.

No último dia 4, quando Lula foi conduzido coercitivamente à sede da Polícia Federal no Aeroporto de Congonhas (SP), para prestar depoimento à Polícia Federal, militantes se aglomeraram em frente a casa do ex-presidente. No mesmo dia, a presidenta Dilma Rousseff também foi manifestar solidariedade e apareceu na sacada do apartamento de Lula, de onde acenou para as pessoas.

Lula tomou posse nesta quinta-feira (17), como ministro-chefe da Casa Civil, e está reunido neste momento com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio da Alvorada. Participam do encontro o Advogado-Geral da União, José Eduardo Cardozo, e o novo ministro da chefia de Gabinete Pessoal da presidenta, Jaques Wagner, que deixou a Casa Civil.

Mais cedo, manifestantes prós e contra o governo da presidenta Dilma Rousseff e a posse de Lula entraram em confronto em frente ao Palácio do Planalto. A Polícia Militar do Distrito Federal reestabeleceu a ordem no local e fez um cordão de isolamento para separar os dois grupos. Pelo menos três pessoas foram presas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos