Temer nega discussão sobre futuro governo e diz que "não tem porta-voz"

O vice-presidente da República, Michel Temer, negou hoje (21), por meio de nota, que esteja discutindo cenários políticos futuros com aliados.

Temer também informou que "não tem porta-voz" e que, se precisar anunciar algo publicamente, o fará sem auxílio de terceiros.

A assessoria do vice-presidente divulgou a nota após reportagem de ontem (20) da Folha de S.Paulo, que afirma que ele e a oposição estariam conversando sobre propostas para um eventual governo Temer.

O vice é o primeiro na linha sucessória caso a presidenta Dilma Rousseff sofra um impeachment.

Em entrevista publicada na edição de hoje (21) do jornal O Estado de S. Paulo, o senador José Serra (PSDB-SP) falou sobre um possível governo de Michel Temer e disse que, caso o vice assuma a Presidência da República, deverá formar um governo de união e de reconstrução nacional, com o compromisso de não disputar a reeleição em 2018.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos