União Europeia e Mercosul definem data para troca de acordo comercial

A União Europeia e o Mercosul vão discutir novas propostas de acordo de livre comércio na segunda semana de maio. A decisão foi anunciada hoje (8) pela Comissão Europeia e pelo Uruguai, país que detém a presidência do Mercado Comum do Sul.

A comissária europeia para o Comércio, Cecilia Malmstrom, e o ministro dos Negócios Estrangeiros do Uruguai, Rodolfo Nin Novoa, acertaram em Bruxelas que a troca de propostas, que estava prevista para o último trimestre de 2015, ocorrerá na segunda semana de maio. Segundo uma nota de imprensa divulgada pela Comissão Europeia, a reunião serviu também para definir um roteiro para o resto do ano.

O Mercosul é o sexto mercado de exportações da União Europeia e somou $88 bilhões de euros em receitas no ano de 2015. Além disso, as empresas europeias pagam mais de $4 bilhões de euros em taxas alfandegárias.

As negociações entre os dois blocos começaram em 1999 e seguiram até 2004, quando foram interrompidas por seis anos, até 2010. Desde então, ocorreram novas rodadas de conversações que vão levar à troca de propostas a ser formalizada no mês que vem.

Os membros efetivos do Mercosul são a Argentina, o Brasil, o Paraguai, o Uruguai e a Venezuela, sendo que o bloco inclui ainda cinco associados (Bolívia, Chile, Peru, Colômbia e Equador) e dois observadores (México e Nova Zelândia).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos