Brasília fará levantamento de índice de infestação por Aedes

larvas do mosquito Aedes Aegypti

Campanha irá identificar larvas do mosquito Aedes AegyptiArquivo/Agência Brasil

Até a próxima sexta-feira (15), cerca de 600 homens do Corpo de Bombeiros, do Exército e da Secretaria de Saúde vão percorrer no Distrito Federal aproximadamente 26 mil imóveis em busca de focos da larva do mosquito Aedes aegypti.

Segundo a Secretaria de Saúde, o mapeamento é uma determinação do Ministério da Saúde e é feito desde 2001 para direcionar ações de prevenção e controle do vetor, após identificar os criadouros predominantes e a situação de infestação das cidades.

Este é o primeiro levantamento desse tipo feito no Distrito Federal em 2016. O próximo está previsto para junho ou julho e outros dois serão executados no segundo semestre, informou a secretaria. O resultado do trabalho desta semana será divulgado na próxima segunda-feira (18).

Conforme padrão fixado pelo Ministério da Saúde, locais que apresentarem índice de infestação inferior a 1% das residências visitadas estarão em condições satisfatórias; os que tiverem índice entre 1% a 3,9%, em situação de alerta; e os com taxa superior a 4%, com risco de surto de dengue.

"O levantamento rápido é feito de maneira aleatória em pelo menos 20% dos imóveis nas quadras sorteadas. A capital federal [Brasília] foi dividida em 66 grupos, cada um deles com 9 mil a 12 mil imóveis de características semelhantes. A média é de um avaliado a cada quatro ou cinco imóveis", disse a Secretaria de Saúde.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos