Governo brasileiro lamenta terremoto no Equador; número de mortos passa de 200

Kelly Oliveira - Repórter da Agência Brasil*

Um terremoto de 7,8 graus de magnitude na escala Richter atingiu o litoral norte do Equador e abalou a estrutura de vários edifícios

Um terremoto de 7,8 graus de magnitude na escala Richter atingiu o litoral norte do Equador e abalou a estrutura de vários edifícios Freddy Constante/Agência Lusa

O Ministério das Relações Exteriores disse hoje (17) que o governo brasileiro tomou conhecimento, com consternação, do terremoto que atingiu ontem (16) o Equador. "O Brasil solidariza-se com as famílias das vítimas e manifesta seu sentido pesar ao Governo e ao povo do Equador", diz nota do Itamaraty.

O terremoto de magnitude 7,8 na escala Richter, que abalou a costa Norte do Equador, deixou pelo menos 233 mortos e 588 feridos, segundo balanço mais recente divulgado pelo presidente equatoriano, Rafael Correa, na sua conta no Twitter.

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitora a atividade sísmica mundial, o terremoto ocorreu às 18h58 de sábado, no horário local (20h58, em Brasília), há dez quilômetros de profundidade e com epicentro a cerca de 173 quilômetros da capital, Quito, 

*Com informações da Agência Lusa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos