PTN e PSC orientam votação pelo impeachment, PCdoB se manifesta contra

Karine Melo - Repórter da Agência Brasil

Com um discurso em defesa de uma mudança no país, a líder do PTN na Câmara, Renata Abreu (SP), encaminhou voto favorável da legenda à abertura de impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

"Todos os dias me pergunto até quando vamos aceitar que tirem os sonhos do nosso povo. Nunca vi as pessoas tão descrentes com quem jurou a elas representá-las", disse a parlamentar. Segundo Renata, muito mais que impeachment os brasileiros querem mais transparência, mais participação e mais democracia direta."Estamos diante da oportunidade de passar a limpo o Brasil e ouvir as vozes que vêm das ruas para banir de vez a cultura da corrupção que pune cada um nos brasileiros", acrescentou.

Contra o impeachment, o líder do PCdoB, Daniel Almeida (BA), foi vaiado no plenário ao dizer que a processo contra a presidenta Dilma é uma "conspirata de corruptos" liderada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Almeida criticou o relatório do deputado Jovair Arantes (PTB-GO) e disse que, diante da Constituição Federal, não houve crime de responsabilidade, como aponta o documento aprovado na Comissão Especial do Impeachment.

"A presidenta recebeu 54 milhões de votos de brasileiros, querem transformar esse plenário em um colégio eleitoral", criticou. Segundo Almeida, quem legitima o acesso ao poder é o voto popular, que está sendo usurpado neste momento.

Para o líder do PCdoB, a saída para a crise não é um governo do PMDB, que na visão dele, seria "ilegítimo e de exceção" e já nasceria com a "macha da ilegitimidade".

"Vamos ganhar essa batalha o golpe não vai passar e a luta continuará", concluiu o líder.

Depois do PCdoB, foi a vez do líder do PSC, André Moura (CE), se manifestar na tribuna. Moura disse que seu partido votará 100% pelo impeachment. "Milhões de brasileiros estão nas ruas, revoltados. Povo que não aguenta mais irresponsabilidade de um governo desumano", criticou.

Segundo Moura, o vice-presidente Michel Temer reúne "qualidades morais e políticas indispensáveis para construir uma ponte para o futuro", caso assuma a Presidência da República.

 

<< Acompanhe ao vivo a sessão>>

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos