Para Tasso, votação do impeachment no Senado deve refletir a da Câmara

Edwirges Nogueira

Agência Brasil/EBC

O senador Tasso Jeireissati (PSDB/CE) disse nesta segunda-feira (18) acreditar que as votações iniciais do pedido de impeachment da presidenta Dilma Rousseff no Senado repitam o resultado desfavorável ao governo que ocorreu no domingo na Câmara dos Deputados. A declaração foi dada em entrevista coletiva em Fortaleza.

"Nessa primeira votação, que deve ocorrer na comissão especial e no plenário, a tendência é acompanhar a Câmara. Depois, são mais seis meses e é muito difícil prever", disse o senador, reafirmando a posição do PSDB de ser a favor do impedimento da presidenta. "A votação de ontem foi expressiva e mostra que o governo perdeu qualquer condição de governabilidade."

Tasso defende que a única decisão que daria "certa grandeza" à presidenta e resolveria a instabilidade no país seria a renúncia. "Fora isso, não vejo nenhuma posição que possa melhorar a imagem da presidente."

Um dos nomes cotados para a presidência da comissão especial é a do senador Antônio Anastasia (PSDB/MG). Segundo Tasso, Cássio Cunha Lima (PSDB/PB) e Aloysio Nunes (PSDB/SP) completam a representação da sigla no grupo e ele estaria na suplência. O Senado tem 48 horas a partir de hoje para compor a comissão.

Tasso também falou sobre a possibilidade de o vice-presidente Michel Temer assumir a presidência no caso do afastamento de Dilma. O senador disse que o PSDB deverá preparar um documento com princípios do partido para apoiar o vice-presidente caso ele assuma a função. Entre esses princípios, estarão a defesa de apoio ao juiz Sérgio Moro, responsável pelas ações da Operação Lava Jato. 

"Temer é uma incógnita. Ele é um político experiente, com larga visão de mundo, é professor de Direito Constitucional, tem nível e condições para fazer esse trabalho de transição. Agora resta esperar um pouco para ver quais serão suas iniciativas."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos