Construtora de ciclovia diz que prioridade é assistência às famílias das vítimas

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro - Desabamento de parte da recém-inaugurada ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, durante uma ressaca no mar de São Conrado, deixa mortos e feridos (Fernando Frazão/Agência Brasil)

 Desabamento de parte da recém-inaugurada ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, durante uma ressaca no mar de São Conrado, vai ser apurado por perícia independenteFernando Frazão/Agência Brasil

A assistência às famílias das vítimas do desabamento e a  apuração das causas do acidente são as prioridades, neste momento, do Consórcio Contemat/Concrejato, responsável pela obra da ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, zona sul do Rio de Janeiro, de acordo com nota divulgada pela companhia. Parte da pista desabou ontem (22) e causou a morte de duas pessoas, quando uma violenta onda  atingiu a estrutura.

"Assistentes sociais da empresa estão em contato com familiares das vítimas, prestando o suporte necessário", diz a nota. O consórcio informou que profissionais da empresa, envolvendo especialistas em engenharia costeira e estrutura, estão na ciclovia desde as primeiras horas de hoje, à procura de evidências que ajudem a elucidar o caso.

Desde ontem pela manhã, quando desabou o trecho da ciclovia, o consórcio vem colaborando "integralmente" com as autoridades públicas e os órgãos da prefeitura do Rio de Janeiro, "com o objetivo de esclarecer as causas do acidente o mais brevemente possível", conclui a nota.

O secretário de Governo da prefeitura do Rio de Janeiro, Pedro Paulo Carvalho, anunciou hoje (22) a contratação de perícia independente para apurar as causas do acidente. A perícia será feita pelo Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (Coppe/UFRJ) e pelo Instituto Nacional de Pesquisas Hidroviárias (INPH).

O estudo levará em consideração aspectos estruturais e variáveis marítimas em toda a ciclovia da Avenida Niemeyer para investigar as causas da tragédia e será estendido até a ciclovia do Joá, que está em construção. Segundo a prefeitura, o laudo conclusivo deverá ser entregue em até 30 dias.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos