Prefeito do Rio diz que vai indenizar famílias das vítimas da ciclovia Tim Maia

Flávia Villela - Repórter da Agência Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, disse hoje (23) que irá indenizar as famílias das vítimas da ciclovia Tim Maia, em São Conrado, zona sul da cidade.

"Busquei contato com as famílias das vítimas, pessoas já conversaram com o cunhado e a viúva de uma das vítimas do acidente. Falei pessoalmente com o cunhado de uma das vítimas, mas ainda não consegui falar com a viúva. A prefeitura, dentro da sua possibilidade, vai buscar, de maneira adequada, como em outros casos em que teve responsabilidade sobre tragédias na cidade, ressarcir essas pessoas do ponto de vista material, embora nada repare a perda de uma vida", disse Paes.

Sobre recentes relatórios Do Tribunal de Contas do Município (TCM), que apontaram rachaduras e falhas em trechos da ciclovia, Paes ressaltou que nem sempre os técnicos da prefeitura concordam com as recomendações. "Todas as recomendações do TCM são sempre acatadas e discutidas, nenhuma é ignorada. Todos os alertas foram contestados e explicados".

Paes ressaltou a importância de um plano de contingência para futuras ressacas do mar, mas disse que não há como saber se as mortes não teriam acontecido caso já houvesse um. "Hoje parece meio óbvio que teríamos que ter um plano de contingência ali. Estamos inclusive olhando uma demanda antiga do Centro de Operações, que é o monitoramento de marés para a prefeitura poder agir não só nesse caso", acrescentou. Ele descartou, contudo, uma possível  demolição da ciclovia.

O prefeito voltou a defender a idoneidade dos processos de licitação das obras da ciclovia e do gerenciamento de outras obras gerenciadas pela Concremat.

"Todos os processos são feitos de maneira muito transparente. A Concremat tem mais de 60 anos, presta serviços para a prefeitura há muito tempo e é uma empresa respeitada no mercado", declarou . "O gerenciamento é uma especialidade da empresa. Ela é conhecida e respeitada por isso", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos