Sobe para 32 número de mortos em complexo petroquímico do México

Da Agência Lusa

A explosão que atingiu um complexo petroquímico no México na última semana matou 32 pessoas, segundo novo balanço divulgado pela empresa petrolífera Pemex. Foram encontrados mais corpos nesse domingo (24), durante os trabalhos de limpeza e remoção de escombros.

A explosão causou pânico entre os moradores de Coatzacoalcos, no Leste do México, onde se localiza o complexo petroquímico.

As autoridades pediram à população local, e sobretudo à de Coatzacoalcas, para ficar em casa devido à presença no ar de compostos químicos que poderiam causar queimaduras na pele.

Mais de 100 trabalhadores da fábrica ficaram feridos, vítimas de queimaduras e contusões, mas a maioria já deixou o hospital, informou a Pemex.

O complexo foi criado nos anos 70 e um setor teve obras de modernização recentemente. Foi nessa parte que a explosão ocorreu.

As investigações prosseguem, para determinar as circunstâncias em que ocorreu o acidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos