Massa de ar frio derruba temperaturas no país; SP tem madrugada mais fria do ano

Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil*

Brasília - Frente fria provoca mudança de clima e nevoeiro na capital federal (José Cruz/Agência Brasil)

Frente fria provoca mudança de clima e nevoeiro na capital federalJosé Cruz/Agência Brasil

Uma intensa massa de ar frio atingiu o Brasil hoje (28), segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), derrubando as temperaturas no país e elevando os alertas para chuvas fortes em algumas regiões. A meteorologista Morgana Almeida, do Inmet, informou que serão divulgados boletins para alertar sobre a queda de temperatura. "Informamos que a queda de temperatura registrada nas regiões Sul, grande parte da Região Sudeste, Centro-Oeste e até mesmo em alguns estados da Região Norte - como é o caso do Acre e sul do Amazonas - é devida a atuação de uma intensa massa de ar frio e seco [de origem polar]. Durante o outono e inverno, é normal a atuação desse sistema. Desde o início da semana, o Inmet havia emitido aviso meteorológico especial de declínio de temperatura para as áreas afetadas", disse.

O Inmet informou que foi registrada neve fraca em São Joaquim (SC) na madrugada de hoje. Há previsão ainda que a Região Sul tenha mínima de 3ºC a -5ºC; as regiões norte amazonense, norte e sul de Roraima e toda a região de Minas Gerais tenham chuvas intensas ao longo do dia. Uma queda drástica de temperatura foi registrada na região Centro-Oeste, centro-sul Amazonense e Acre.

São Paulo

A temperatura na cidade de São Paulo atingiu a média mínima de 12 graus Celsius (ºC), na madrugada de hoje (28), a mais fria do ano, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), órgão da Prefeitura de São Paulo. Mesmo sem chuva forte, o tempo começou a mudar, na última terça-feira (26), com a chegada de uma frente fria seguida da entrada de uma massa de ar polar.

Em algumas localidades da capital paulista, a temperatura ficou abaixo da média, como é o caso de Capela do Socorro, bairro do extremo sul da cidade, onde foram registrados 10,4°C. Ao lado desse bairro, em Parelheiros, a mínima ficou em 10,6ºC.

Outros pontos da cidade que também registraram baixas temperaturas foram: Jabaquara (11,1°C), na zona sul; e Vila Prudente (11,6°C) e São Mateus (11,7°C), na zona leste. Segundo o CGE, quando a sensação térmica em São Paulo fica inferior a 13°C, é decretado estado de atenção para baixas temperaturas.

Em nota, o meteorologista do centro, Adilson Nazário, disse que "o ar frio polar que chegou após a passagem da frente fria está atuando e deve manter o frio pelo menos até os primeiros dias de maio, quando deve perder intensidade".

A máxima prevista para esta quinta-feira é 18°C, porém, por volta das 11h30, a estação medidora do Tremembé, na zona norte, registrou 19,2ºC. 

O CGE informou ainda que antes da chegada da frente fria, o mês de abril foi marcado por temperaturas que oscilavam na média em 5,2ºC acima do normal para o período. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), foram registrados 20 dias com temperatura acima dos 30ºC.

* Colaborou redação de Brasília

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos