Índice de Confiança do Empresário do Comércio cai 0,3% entre março e abril

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec) caiu 0,3% entre março e abril deste ano. Segundo a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), ele recuou para 80,8 pontos, depois de três altas consecutivas, de acordo com dados ajustados sazonalmente. Na comparação com abril do ano passado, a queda foi de 8%.

O Icec tem uma escala de zero a 200 pontos. Quando o indicador fica acima de 100 pontos, sinaliza que os empresários têm uma visão otimista em relação aos seus negócios, ao comércio e à economia. Mas o Icec abaixo de 100 pontos, como aconteceu em abril, mostra uma visão negativa dos empresários.

"A gente está num momento em que ainda paira uma incerteza e não há como saber se o indicador continuará caindo ou se subirá", disse a economista da CNC, Izis Ferreira.

Para ela, a queda do Icec na passagem de março para abril foi provocada por uma avaliação mais negativa dos empresários em relação a investimentos e estoques. "No mês passado, já tinha havido uma variação negativa em relação aos investimentos nas empresas, na contratação de funcionários e na avaliação dos estoques. Nesse mês, essa queda se acirrou", disse.

Apesar disso, a opinião dos empresários em relação ao atual momento e às expectativas sobre o futuro melhoraram na comparação com março.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos