Lava Jato ouve ex-diretor da Petrobras e familiares nesta sexta-feira

Michèlle Canes - Repórter da Agência Brasil

O juiz Federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, ouve na tarde desta sexta-feira (13), ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, as duas filhas dele, Ariana Azevedo Costa Bachmann e Shanni Azevedo Costa  Bachmann, além dos genros dele Humberto Sampaio de Mesquita e Marcio Lewkowicz. Os interrogatórios serão feitos, em Curitiba.

Paulo Roberto Costa e seus familiares são réus em uma ação penal da Operação Lava Jato. Em abril de 2014, Moro aceitou a denúncia contra eles. Segundo a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), Costa é acusado de ordenar que seus parentes fossem a seu escritório de consultoria para retirar documentos, e quantias em dinheiro "que interessavam à prova das infrações penais sob investigação", no momento em que a operação foi desencadeada. A presença dos parentes foi flagrada por câmeras de segurança do local.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos