São Paulo: Fipe indica ligeira alta da inflação na segunda prévia de maio

Marli Moreira - Repórter da Agência Brasil

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) na cidade de São Paulo, subiu de 0,38% para 0,41% entre a primeira e a segunda quadrissemana de maio. Três dos sete grupos pesquisados tiveram aumento: habitação (de 0% para 0,13%); despesas pessoais (de 0,62% para 0,92%) e educação (de 0,15% para para 0,16%).

Apesar de ter registrado decréscimo (de 2,46% para 2,40%), o grupo saúde foi o que causou maior impacto inflacionário. Essa classe de despesa ainda reflete o efeito do reajuste de preços dos remédios, que ocorreu no mês passado.

No grupo dos alimentos, o índice registrou alta (0,5%) inferior à registrada no mês passado (0,57%) e em vestuário foi registrada a mesma taxa da última apuração (0,75%). Já em transportes, houve queda de 0,54%. Esse recuo ocorreu sobre uma redução de 0,35%, na pesquisa anterior.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos