Supremo considera constitucional estado de emergência na Venezuela

Da Agência Lusa

O estado de emergência decretado na Venezuela esta semana pelo presidente Nicolas Maduro é constitucional, declarou ontem (19) o Supremo Tribunal.
Com a oposição pressionando para a realização de um referendo visando tirar Maduro do cargo, o presidente decretou amplos poderes para as forças de segurança de modo a impor a ordem pública e ajudar na distribuição de alimentos à população.

O Congresso, controlado pela oposição, rejeitou a decisão. No entanto, o Supremo Tribunal confirmou a sua constitucionalidade, considerando "as extraordinárias circunstâncias sociais, econômicas, políticas, naturais e ecológicas que estão afetando com gravidade a economia nacional."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos