Rio de Janeiro sedia festival internacional de danças urbanas

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil

Festival Rio H2K

O Rio H2K é considerado um dos maiores festivais de danças urbanas do mundoMatheus Cabral/Divulgação

O Rio de Janeiro recebe, no período de 26 a 29 deste mês, na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, a sexta edição consecutiva do Rio H2K, considerado um dos maiores festivais de danças urbanas do mundo. Aberto ao público, o festival traz uma inovação nesta edição que é o Rio H2K Battles, ou batalhas de danças, que saiu do espaço das aulas e está sendo levado para uma grande arena, informou o diretor do evento, Michel Colker.

"Pela primeira vez, a gente está montando um grande ranking nacional para batalhadores que vão participar". Trata-se de dançarinos que participam de batalhas, também chamadas duelos de dança. Colker disse que essas batalhas são uma forma de expressão artística muito forte dentro do universo da dança de rua.

Um júri formado por alguns dos melhores dançarinos do mundo escolherá os vencedores nas categorias hip hop, popping, locking, house, passinho e breacking. Os vencedores de cada estilo de dança receberão R$ 1,5 mil, além de troféu. As inscrições vão até o dia 27 pela internet ou na Cidade das Artes, nos dias 26 e 27. As audições estão programadas para o dia 28.

O Rio H2K vai oferecer outra novidade aos amantes da dança, que é a oportunidade inédita de acampar na Cidade das Artes. "Vai ser um diferencial incrível para quem for". É a primeira vez que isso vai ocorrer em um festival no Rio de Janeiro. O local está disponível para a montagem de 200 barracas, com capacidade para 400 pessoas, disse o diretor.

Na mostra Novos Rumos, o festival abre espaço também para a apresentação de espetáculos de jovens companhias. Para as crianças foi criada a colônia de férias Rio H2K Kids, em parceria com o Centro de Movimento Deborah Colker, que ficará aberta para crianças de 4 a 10 anos de idade. A minicolônia de férias é, segundo Miguel Colker, "toda inspirada, com oficinas artísticas, no universo da cultura urbana". A maioria das oficinas é voltada à dança.

Representantes da dança mundial participarão da programação do festival, que inclui mais de 50 workshops (oficinas), seis espetáculos e seis painéis. Os cursos de dança têm níveis para principiantes, intermediários, amadores e profissionais. Coreógrafos de oito países mostrarão sua arte. "A gente sempre buscar trazer pessoas com quem o público não tem a oportunidade de ficar tão próximo".

Entre os dançarinos famosos que se apresentarão no evento, Miguel Colker citou Sheryl Murakami, dos Estados Unidos, coreógrafa dos videoclipes EGO, Who Run The World e Dance for You, da cantora Beyoncé; Josh Willians, dançarino de Jason Derullo; a brasileira Arielle Macedo, bailarina e coreógrafa da cantora Anitta; Salah, da França, vencedor do Arab's Got Talent; Mecnun Giasar, da Alemanha, jurado oficial do World of Dance Tour e do Hip Hop International na Europa.

A mostra de espetáculos tem curadoria do francês Guy Darmet, criador e diretor da Maison de la Danse.

No ano passado, o Rio H2K registrou um total de 30 mil pessoas, entre participantes das atrações e espectadores de 20 estados brasileiros e 15 países. 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos