Marcelo Crivella pede licença do Senado para disputar prefeitura do Rio

Mariana Jungmann - Repórter da Agência Brasil

O senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) apresentou hoje (2) pedido de licença do mandato por 122 dias. A licença foi lida no plenário da Casa e será publicada no Diário do Senado.

Crivella se afastará da atividade legislativa para se dedicar à campanha à prefeitura do Rio de Janeiro nas eleições de outubro. O suplente do senador, Eduardo Lopes (PRB-RJ), deverá assumir o cargo durante o período de licença, conforme já fez em outros momentos de afastamento de Crivella.

Ontem (1º), o senador Walter Pinheiro (sem partido-BA) também se despediu dos colegas do Senado. A convite do governador Rui Costa, ele se afastou para assumir o cargo de secretário de Educação da Bahia. Em seu lugar, tomará posse o suplente Roberto Muniz (PP).

Muniz tomará posse no Senado assim que Pinheiro assumir na Bahia, o que pode ocorrer entre o fim desta semana e o início da próxima. Eduardo Lopes não precisará ser empossado porque já assumiu a vaga de Crivella outras vezes e, portanto, está dispensado da formalidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos