Libertado jovem suspeito de participação em estupro coletivo no Rio

Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil

O jogador de futebol Lucas Perdomo Duarte, de 20 anos, foi libertado hoje à noite (3) de um presídio do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, zona oeste do Rio. Lucas teve a prisão temporária relaxada pelo juiz da 2a. Vara Criminal de Jacarepaguá ontem (2) à noite, porque a titular da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV), Cristiana Bento, pediu à Justiça a revogação da prisão do jogador.

Responsável pela investigação, a policial disse que não tinha no momento provas suficientes contra Lucas, mas que ele continuará sendo investigado mesmo fora da prisão.

Lucas é atleta profissional e joga no Boavista Sport Clube, de Saquarema, na Região dos Lagos, clube da Primeira Divisão do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro.

Mais um suspeito de participação no estupro coletivo de uma adolescente, de 16 anos, no Morro São José Operário, na Praça Seca, em Jacarepaguá, foi transferido hoje à tarde para um presídio no Complexo Penitenciário de Gericinó.

Rapahel Duarte Belo, de 41 anos, se entregou à polícia nessa quarta-feira (1º) e está com a prisão temporária decretada pela Justiça. Raphael é quem aparece em uma foto rindo e fazendo uma selfie com a jovem nua e desacordada na cama.

Outro que está preso em Gericinó é Raí de Souza, de 22 anos. Ele é o dono do celular usado para gravar as imagens da jovem nua e desacordada na cama, em uma casa do alto do Morro São José Operário. Ele foi levado ontem para o presídio junto com Lucas Duarte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos