Operação Castelo de Areia prende 27 pessoas no Rio

Nielmar de Oliveira - Repórter da Agência Brasil

A Operação Castelo de Areia, desencadeada hoje (9) com o objetivo de combater o roubo de carga e o tráfico de drogas em comunidades da zona norte e na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, prendeu 27 pessoas suspeitas de envolvimento com o tráfico de drogas e com o roubo de cargas, inclusive um policial militar, segundo informações da Polícia Civil. Vários veículos foram apreendidos, inclusive um Camaro.

A operação envolveu homens do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), e da Polícia Civil e teve como meta cumprir 63 mandados de prisão preventiva contra pessoas acusadas de formação de quadrilha, associação para o tráfico, comércio ilegal de arma de fogo e roubo e receptação de carga.

Início

A ação teve início a partir de investigações desenvolvidas pela Delegacia de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, quando foram identificadas duas quadrilhas que atuavam na Baixada e em bairros da zona norte da cidade.

Além dos 63 mandados de prisões, havia ainda outras dezenas de mandados de busca e apreensão contra traficantes e assaltantes que agiam nos municípios de Nilópolis, São João de Meriti, Belford Roxo e Mesquita, na Baixada Fluminense, São Gonçalo, no Grande Rio, e também em bairros da zona norte da cidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos