Teori manda arquivar investigação sobre o deputado Júlio Delgado

André Richter - Repórter da Agência Brasil

Investigação  começou  após  Júlio  Delgado  ter  sido

citado  em   delação  premiada  pelo  empresário Ricardo Pessoa, dono da UTC,Arquivo/Agência Brasil

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o arquivamento do inquérito que investigava o deputado federal Júlio Delgado (PSB-MG) na Operação Lava Jato. O ministro atendeu a um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), que alegou falta de provas.

O inquérito sobre Delgado foi aberto no ano passado após o nome do parlamentar ter sido citado pelo empresário Ricardo Pessoa, dono da UTC, em depoimento de delação premiada na Operação Lava Jato. Em um dos depoimentos, o empresário disse que fez doações para as campanhas de 18 políticos, entre eles, Delgado, que teria recebido R$ 150 mil.

Também por falta de indícios, Zavascki atendeu pedido do procurador-geral e determinou o arquivamento do inquérito contra o deputado federal Simão Sessim (PP-RJ).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos