Hillary Clinton é questionada pelo FBI sobre mensagem secreta em e-mail privado

José Romildo - Correspondente da Agência Brasil

 

 

Hillary Clinton, pré-candidata do Partido Democrata à presidência dos Estados Unidos        Arquivo/Antônio Cruz/Agência Brasil 

O FBI está investigando a acusação de que Hillary Clinton recebeu centenas de documentos secretos em sua caixa de e-mails pessoais, em sua residência de Nova York, em vez de utilizar o serviço de correio eletrônico oficial, enquanto era secretária de Estado. Os principais funcionários que trabalhavam com Hillary Clinto também foram ouvidos.

As investigações visam a saber se Hillary Clinton agiu ilegalmente ao usar uma caixa privada de mensagens para receber e-mails oficiais e secretos da Casa Branca. Dependendo do resultado da investigação, o assunto pode ter repercussão na campanha de Hillary. pré-candidata democrata Hillary Clinton, que concorrerá às eleições presidenciais dos Estados Unidos, em novembro deste ano, foi interrogada hoje (2) pelo FBI - a polícia federal norte-americana -, de forma voluntária, sobre o uso de seu servidor de e-mail privado, de janeiro de 2009 a fevereiro de 2013, quando ocupava o cargo de secretária de Estado.

O interrogatório durou três horas e meia. O porta-voz da campanha de Hillary Clinton, Nick Merrill, divulgou que "a secretária Clinton deu uma entrevista voluntária esta manhã sobre o uso de seu e-mail, enquanto ela era secretária. Ela tem o prazer de aproveitar a oportunidade para ajudar o Departamento de Justiça a avaliar e tirar uma conclusão [sobre o assunto]. Por respeito ao processo de investigação, Hillary  não vai mais fazer comentários sobre o interrogatório".

Parlamentares do Partido Republicano solicitam que sejam realizadas investigações independentes sobre o uso de e-mails secretos da Casa Branca na caixa de e-mails privados de Hillary Clinton. Eles alegam que o Departamento de Justiça dos Estados Unidos, ao qual está subordinado o FBI, não tem a imparcialidade necessária para lidar com o assunto.

Hillary Clinton deve ser eleita formalmente como candidata do Partido Democrata nas eleições de novembro, em convenção nacional do partido a ser realizada este mês.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos